09 dezembro 2007

Menos de doer, mais de doar

É sempre assim, quando penso que você vai voltar. Mas você nunca volta e eu continuo aqui, fantasiando todos os dias que faltam e que sobram pra eu te ver de novo. A única coisa errada nisso tudo é que, sendo a vida toda confusão, as datas também se confundem e eu deixo o tempo correr toda a saudade do mundo, enquanto eu te espero num dia que nunca chega.

Quanto mais eu vejo o céu, azul, majestoso e ensolarado, mais enxergo você por perto. Deve estar voando por algum lugar onde a minha mão não alcance e, desse jeito, eu te imagino muito maior e bonita do que já é pra mim. Debruço na janela da sala pra poder sentir o teu vento mexendo nos meus cabelos curtos, o sol roubando o teu brilho pra me iluminar.

Já fui criança, já achei que abraço era proteção do resto do mundo, já me despedi e já senti saudade. Amei, caí, levantei e amei outra vez. As dores dos tombos eram menores que as dores de amor - acho que não amar, dói mais. E depois que o corpo cresceu, a alma quis seguir o caminho e contar o que umas tais bossas me fizeram nesses dias todos. Mas precisa? Uns sentimentos que não morreram dentro de mim, pois coisas verdadeiras não morrem e se não morrem, adormecem ou crescem. Eu cresci mais porque você existe...

Você foi a melhor coisa que me aconteceu na vida. Tua voz tem o som mais bonito que eu já ouvi. Teu toque tem a doçura mais suave que eu já senti. Teu abraço tem o amor mais amado que já me amou. E os meus sorrisos são mais sorrisos com você por perto, meu samba é mais brasileiro se você canta comigo, minha noite é mais feliz se é você quem dirige o carro porque eu bebi demais. Meu dia só vira dia se eu abrir os olhos e pensar em você.

Junto às distâncias mais densas que eu já tive, tua falta é a mais desentranhada. E eu te amo mesmo em falta, porque amor não é de se entristecer, é de se rimar.

23 comentários:

Lais Mouriê disse...

Se vc soubesse o que me aconteceu hj, saberia que o seu texto é o retrato do meu domingo. Sem nenhuma imagem faltando...que sintonia, hein, minha linda mais linda!

Incrível!

Joh_ disse...

ameiiiii as rosas tambémm


lindoo
seu post

bjs

Claudia Lis disse...

“...coisas verdadeiras não morrem e se não morrem, adormecem ou crescem.”

“E eu te amo mesmo em falta...”


Verdade Nina! Tem tanta coisa que deixamos adormecidas e quietinhas para acionar na hora certa. E quando elas tornam a acordar parece que o mundo inteirinho acordou junto.

E sobre amar mesmo em falta, representa a sinceridade e a verdade do sentimento. Amar é algo muito sério, que muitas vezes costumam usar por aí como o velho “bom dia”. Mas o amor está guardado, esculpido, incrustado e solidificado no coração, como um fóssil (pois já faz parte dele).

E sabe Nina? Gosto de ver pessoas que entendem isso. Por essas e outras é sempre bom estar aqui.

Beijão

Fláh disse...

Quando a gente se abraça, não se sente seguro, mas se sente melhor. "Está tudo bem", sussurramos. "Estou aqui. Eu te amo." e mentimos: "Nunca vou te abandonar".

a clara menina Clara disse...

absurdamente impressionante isso.
e eu me atrevi a pegar emprestado a frase mais linda de todas daqui.
tá lá no blog.

você conseguiu traduzir os versos secretos da minha gaveta.

Thaís disse...

Lindo e triste feito gliter em pó de vidro!

Bruna Mariano disse...

"[i]porque amor não é de se entristecer, é de se rimar[/i]."

Muito lindo!
ADOREI!

te linkei, tá?

se cuida...

Mayara disse...

a sua leveza e indescritivel antonina!

N. (de contorcionismo no banco!) disse...

Se vc soubesse minhas entrelinhas, saberia que o seu texto é o retrato da minha vida.

mas se bem que vc sabe...

ENTÃO PÁRA DE TIRAR FOTO DE MIM QUANDO EU NAO TO OLHANDO, POXA!!!



"as datas tambem se confundem..."
as bailarinas também, aiaia

e eu amo você. embora agora não tenhapensado em nada que rimasse com isso. :/

Belle disse...

Puta que pariu, nina!
Só achei isso no meu vocabulário não-poéticamente-letrado.
Isso é muito lindo.
Eu bem vou roubar e guardar comigo.
É lindo. Só sei dizer isso.

Como eu sempre disse.
Suas letras cantam e encantam.

=*

Jéssica V. Amâncio disse...

Nossa, amei!

'já achei que abraço era proteção do resto do mundo' que encanto
:)

Beijos;***

Carol disse...

"Quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu"
(Renato Russo)

Gabibis disse...

acho que não amar, dói mais
acho que não amar, dói mais
acho que não amar, dói mais
acho que não amar, dói mais

|Thamires disse...

idem....

Feliz Natal e Ano-Novo de coração!!

;*

Patrícia H. disse...

Quero mais Nina!!!!

Gabriele Fidalgo disse...

Mas que coisa linda, viu!
Faltam palavras para comentar qualquer coisa. Porque você usa todas as letras mais bonitas para dizer tudo. Até coisas tristes.

Beijos.

Fernanda Alves. disse...

Nossa... você falou tudo por mim, só quem sofre a dor da distância sabe o qto dói nao ter quem se quer por perto!

"E eu te amo mesmo em falta, porque amor não é de se entristecer, é de se rimar." mas essa frase é a mais linda q ja li!!!

Parabéns!

bjo, e mta inspiração

Naty disse...

Taqueopariu!
Cutucou o meu mais profundo...
=)

Viêra disse...

que texto mais delícia, meNina.
ah, eu quero usá-lo entres aspas, posso?

fez tão melhor o meu dia.

:*

enailuj disse...

como é bom sentir tudo isso.
bom mesmo se ver escritinha aí por alguém que não conheço, mas sente o mesmo que eu.

né?
gostei muitomuito do blog, moça :)

Diego Z. disse...

É, o céu azul faz ela parecer mais perto de mim. Mas, quando está ela tão perto, ela ainda permanece tão longe. Tão longe que até escapam dos olhos.

Cherry Lips disse...

guardarei sua última frase no meu travesseiro.
beijinhos

Insolente disse...

Meu Deus, que lindo...tão exata a palavra o sentimento e a cena de tudo.